Prefeito de Cantanhede constrói 400 metros de muro por mais de R$ 300 mil. Pense num muro caro?!

A “Faraônica” obra contratada por preço altíssimo, e que ainda custou o dobro no final

Uma pequena obra incluindo 400 metros de muro e mais algumas pequenas intervenções infraestruturias vem chamando a atenção da população do municipio de Cantanhede, distante 154 km da capital, cuja prefeitura é comandada pelo pelo prefeito José Martinho, mais conhecido como Kabão.

Inicialmente orçada em R$ 149.155,20, a obra acabou custando um pouco mais do que o dobro desse valor para a construção de uma estrutura conhecida por latada de mais ou menos 20 m x 10 m, com 10 colunas de concreto, travessas de ferro e telhas de amianto; uma rampa baixa de lavagem de carro e mais ou menos 400 metros de muro, com 2 metros de altura, sendo somente uma lateral e frente rebocadas.

De acordo com o que apurou o blog, o maravilhoso negócio para o empreiteiiro e péssimo para a cofres do município estaria relacionado ao cumprimento de acordos envolvendo o pagamento por decisões judiciais pró-Kabão, via escritório ligado a um desembardor.

No Portal da Transparência, o pagamento pelos serviços à empresa Terraplanec, Terraplanagem Engenharia e Construções aparece em três etapas: 10 de junho de 2021, no valor de R$ 161.388,21, no dia 22 de julho de 2021, no valor de R$ 104.737,69 e no dia 06 de agosto de 2021, no valor de R$ 53.185,21, totalizando 100% do valor do contrato, ou seja, R$ 319.311,11.

O suposto superfaturamento chega a ultrapassar 100 %, ou seja, de 319.311,11, R$ 170.155,71.

O blog tentou entrar em contato com o prefeito para ouví-lo sobre essa “faraônica” obra, mas não obteve resposta.

Deixe um comentário