Cenário de guerra toma conta do Centro de Saúde de Fátima em São Luís

O prefeito Eduardo Braide simplesmente abandonou o Centro de Saúde de Fátima (SAE), localizado no Bairro de Fátima, em São Luís.

Pacientes que necessitam de atendimentos médicos e são encaminhados para o local, denunciam principalmente a péssima estrutura física da Unidade de Saúde.

Um dos principais pontos da reclamação está relacionado ao único banheiro existente no prédio para paciente. Uma placa informa que homens, mulheres, crianças e pessoas com deficiência precisam utilizar o mesmo sanitário. Além disso, a pia do banheiro está quebrada e também foi registrado a falta de água.

Como se não bastasse, não há fechadura no local e uma pessoa precisa ficar na porta vigiando no momento em que outra faz o uso do banheiro. Um segundo banheiro que funcionava no local está interditado há mais de 6 meses.

Os pacientes também relataram a falta de um depósito no local, já que nos corredores é possível observar pedaços de madeiras jogado no chão, cadeiras de rodas, balanças, mesas e cadeiras quebradas.

O local também sofre com a falta de iluminação adequada, além de fio descascado no teto.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informou que a revitalização da Unidade Básica de Saúde Nossa Senhora de Fátima faz parte do plano de ampliação da Rede Municipal de Saúde, e será realizada conforme o cronograma de ações da Prefeitura de São Luís.

Deixe um comentário