Luciano Genésio fecha o gabinete da vice-prefeita de Pinheiro

O prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (PDT), mandou fechar o gabinete da vice-prefeita Ana Paula Lobato (PDT).

Segundo informações, o gestor estaria incomodado com o fato da esposa de Othelino Neto (PCdoB) ser a primeira suplente de Flávio Dino (PSB) ao Senado Federal.

Luciano Genésio é um dos principais aliados do senador neo-bolsonarista Weverton Rocha (PDT) que, após trair Flávio Dino, criou uma rivalidade contra o grupo político do ex-governador.

Recentemente, Luciano Genésio foi afastado do comando da Prefeitura Municipal sob grave acusação de ser o mentor de uma organização criminosa que praticava fraudes licitatórias, desvio de verbas públicas e lavagem de dinheiro em Pinheiro.

Durante o período de afastamento, a vice-prefeita Ana Paula Lobato usou da lealdade e respeito com Luciano Genésio, deixando claro que daria continuidade à gestão municipal até que fosse definida a situação do prefeito com a Polícia Federal e a Justiça.

Prefeita Interina, Ana Paula ficou no cargo por 31 dias e manteve todos os cargos de confiança, comissionados e profissionais contratados. Além de disso, realizou obras de asfaltamento, recuperação de pontes e promoveu campanhas de reforço à saúde dos moradores de Pinheiro, entre outros.

A população de Pinheiro reconheceu que, em 31 dias, o município avançou muito mais do que todo o período que Genésio esteve a frente da prefeitura.

 

Deixe um comentário