Cléber Verde em evento do governo Brandão (Ou: parlamentar tenta tirar casquinha ou abandona Weverton?)

O deputado federal Cleber Verde (Republicanos) foi visto em um evento promovido pelo governo de Carlos Brandão (PSB). A imagem chamou atenção da população maranhense, já que o parlamentar havia declarado apoio ao senador Weverton Rocha (PDT).

O evento foi realizado na cidade de São João do Soter, onde o Governo do Maranhão tem cumprido a rotina de inaugurações, vistorias e anúncios de obras e serviços nos mais diversos cantos do Maranhão.

Cleber Verde foi visto animado e comemorando os avanços do governo Carlos Brandão. O fato pode ter incomodado o senador Weverton Rocha por ver que um dos seus principais aliados pode estar lhe abandonando.

Nos próximos dias o Governo do Maranhão irá visitar pelos menos 10 municípios, levando boas novas aos maranhenses. Basta saber se Cleber Verde vai continuar seguindo a caravana “O Maranhão não pode parar”.

 

Gil Cutrim e Cleber Verde estão entres os 10 parlamentares mais beneficiados com recursos do orçamento secreto

Os deputados do Republicanos, Cleber Verde e Gil Cutrim, receberam juntos quase R$ 50 milhões de emendas do orçamento secreto em 2022.

A informação é do jornal O Globo. Um levantamento indica que Cleber Verde foi beneficiado com R$ 26,3 milhões, enquanto Gil Cutrim com R$ 23 milhões.

Os dois políticos percorrem caminhos de vidas parecidos.  Antes de entrar na política, Cleber Verde era apenas um cidadão comum. Em pouco mais de 10 anos é um dos parlamentares mais ricos do Maranhão, com um patrimônio invejável que conta com imóveis avaliados em milhões de reais.

O deputado Gil Cutrim segue a mesma linha, somando, ainda, uma das piores gestões do município de São José de Ribamar.

Os dois deputados “bolsonaristas” são da base do senador Weverton Rocha (PDT), que é pré-candidato ao governo do Maranhão e tem se recusado a criticar o presidente Bolsonaro.

O orçamento secreto foi um instrumento criado pelo governo Bolsonaro por meio do qual parlamentares indicam como e onde o Executivo deve gastar parte de seu caixa.