Nitroglicerina = Qual Delegado Pirou o cabeção + As Impostoras + Mudando a Casaca

1 – Qual Delegado Pirou o cabeção?

A Nitroglicerina de hoje, tá só enigma. E o primeiro é sobre um delegado da Polícia Civil. Aliás, não se trata de qualquer um!

Ganha um doce quem acertar qual deles tava mandando ‘geral’ numa investigadora ‘extraterrestre’ de parar no buraco de minhoca [ou o trânsito, como queira]. E como nem tudo é teoria da relatividade, a cabeça do homem virou um buraco negro supermassivo, sugando todas as energias para o mundo ‘reverso’, a ponto do homem só focar ‘naquilo’.

2 – As Impostoras

Alô, leitor informante! Quem é a secretaria adjunta e uma presidente de órgão que estaria exercendo ilegalmente a profissão de ‘engenheiras agrônomas’?

Leitor ‘trocador de informações’ sabe até que as ‘danadas’ não pagam há dez anos suas tarifas de seus conselhos. Valha-me, nossa senhora! Quando o próximo governador assmuir, cabeças terão que rolar.

3 – Mudando a Casaca

Qual secretária de prefeito da Ilha que do nada virou ‘política’ e tá sempre disposta a fazer as vontades do irmão do chefe? Mesmo que para isso tenha que esquecer das ‘aulas’ sobre ‘como fazer a coisa certa’ para diversos assessorados, inclusive para o governador do Estado.

Valei-me, meu rei da fofoca, o senhor Tampinha!

Covid-19 pega o vice-presidente da República, Hamilton Mourão

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, foi diagnosticado com Covid-19. A informação foi divulgada neste domingo por meio de nota enviada pela assessoria de comunicação da Vice-Presidência.

Ainda segundo a nota, Mourão ficará em isolamento na residência oficial do vice-presidente, o Palácio do Jaburu. A nota não traz informações sobre o atual estado de saúde de Mourão.

Em maio, Mourão e sua mulher, Paula, foram submetidos a exames, mas testaram negativo para a Covid-19. Na época, o vice-presidente se manteve em quarentena até que o resultado dos exames ficasse pronto.

Desde o início da pandemia, Mourão tentou adotar um discurso mais moderado em relação à pandemia do que o utilizado pelo presidente Jair Bolsonaro. Enquanto o presidente chegou a dizer que não tomaria uma eventual vacina contra a Covid-19, Mourão disse que tomaria, sim, a vacina, desde que certificada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Com Mourão, sobe para 16 o número de integrantes do alto escalão do governo federal infectados pela Covid-19. Além de Mourão e do presidente Jair Bolsonaro, 14 ministros de estado foram diagnosticados com o novo coronavírus desde o início da epidemia no Brasil, em março deste ano.

Entre os ministros que tiveram a Covid-19 estão: André Mendonça (Justiça), Eduardo Pazuello (Saúde), Fábio Faria (Comunicações), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), Marcelo Álvaro Antônio (Turismo), Jorge Oliveira (Secretaria-Geral da Presidência), Braga Netto (Casa Civil), Wagner Rosário (Controladoria-Geral da União), Marcos Pontes (Ciência, Tecnologia e Inovações), Onyx Lorenzoni (Cidadania), Milton Ribeiro (Educação), Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Bento Albuquerque (Minas e Energia), e Tarcísio de Freitas (Infraestrutura).