Prefeitos do PL vão aderindo ao projeto de reeleição do governador Carlos Brandão

Prefeitos do Partido Liberal (PL) não aderiram ao projeto do presidente Josimar Maranhãozinho em apoiar a pré-candidatura do senador Weverton Rocha (PDT) ao Governo do Maranhão, e decidiram apoiar a reeleição do governador Carlos Brandão.

Nos últimos dias, o prefeito de Carolina, Erivelton, e o de São Bento, Dino Penha, anunciaram que vão seguir com o governador.

Erivelton afirmou que a parceria está fechada com Brandão e que “Carolina irá avançar muito mais.”

Já Dino Penha, em entrevista à TV São Bento, declarou: “O meu candidato a governador é Carlos Brandão, que possamos ganhar essa eleição e que o Maranhão seja um estado com muito sucesso.”

Os dois prefeitos do PL se juntam a outros integrantes da legenda que já declaram apoio a Brandão, são eles: Rigo Teles de Barra do Corda, Eudes Barros de Raposa, Daniel Castro de Nova Iorque e Nilsilene de Alto Alegre do Maranhão.

Além deles, o ex-prefeito de Barão de Grajaú, Gleydson Rezende, do PL e o Presidente do PL em Peritoró, Padre Jozias, firmaram apoio a Carlos Brandão.

Weverton “troca de alianças” com Josimar em Zé Doca e, enfim, se torna o oficial do eterno alvo da PF

O senador Weverton Rocha (PDT) é o candidato oficial do deputado federal, Josimar Maranhãozinho (PL). A consolidação da aliança aconteceu no final de semana na cidade de Zé Doca em um evento da sua pré-campanha.

O neo-bolsonarista Weverton Rocha já mostrou que tem forte afinidade com o deputado Josimar Maranhãozinho, assim como com o senador Roberto Rocha (PTB). Os três já foram destaques negativos na imprensa nacional por suspeita de crimes que envolvem fraudes em licitações e desvios de recursos federais.

O senador Weverton Rocha virou réu no Supremo Tribunal Federal (STF) por crime de fraudes a leis de licitações e peculato, que é quando um servidor desvia recursos públicos.

Já Maranhãozinho foi o principal alvo de uma investigação da Polícia Federal (PF) que investiga o desvio de R$ 15 milhões de emendas parlamentares da Saúde. Na operação, uma grande quantidade de dinheiro foi encontrada em um dos escritórios do parlamentar.

Não tão diferente dos dois, o senador Roberto Rocha é investigado por participar de um esquema de desvio de emendas parlamentares.

Juntos, os três investigados montaram uma aliança com o intuito de disputar as eleições de 2022. Basta saber se a população maranhense está de acordo com a forma com que eles executam o serviço público.

Rigo Teles do PL reafirma apoio à reeleição do governador Carlos Brandão

O prefeito de Barra do Corda, Rigo Teles (PL), reafirma o seu apoio à reeleição do governador Carlos Brandão (PSB).

Rigo Teles entrou em acordo com o presidente estadual do Partido Liberal (PL), Josimar Maranhãozinho, para que pudesse declarar apoio a Carlos Brandão para o governo do Estado e continuasse apoiando Josimar Maranhãozinho na Câmara Federal.

Quem também declarou apoio à reeleição do governador foi a prefeita de Alto Alegre do Maranhão, Nilsilene (PL), que recebeu nesta quinta-feira a visita de dois secretários do governo Brandão, o Chefe da Casa Civil Sebastião Madeira e o titular da Sinfra, Aparício Bandeira.

Prefeitos ligados a Josimar Maranhãozinho fecham com Brandão, mas seguem com ele na proporcional

Prefeitos que estavam fechados com o deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) na sua pré-candidatura para governador, estão fechando apoio à pré-candidatura do governador Carlos Brandão (PSB), mas sem deixar de apoiar o parlamentar para federal, e, em muitos casos, continuam seguindo a sua orientação também para estadual.

Maranhãozinho, apesar de ter escolhido o pré-candidato do PDT para governador, parece que tem deixado seus prefeitos, vereadores e demais lideranças regionais livres para fecharem apoio pró-Brandão.

E esse alinhamento gerou uma consequente relação de amizade e respeito dos prefeitos considerados do grupo de Maranhãozinho com Brandão. Um exemplo são os prefeitos Eudes Barros (Raposa), Daniel Castro (Nova Iorque) e Nilsilene (Alto Alegre do Maranhão), que declaram apoio a Brandão, sem deixar a navegação segura de Brandão rumo à sua reeleição.

Nos próximos dias, mais prefeitos do grupo de Maranhãozinho devem declarar apoio à pré-candidatura de Carlos Brandão.

Josimar Maranhãozinho e Weverton Rocha simulam falsa disputa pela vaga de vice-governador

Dissimulado, o senador Weverton Rocha (PDT) tenta criar uma falsa disputa pela vaga de vice-governador em sua chapa para o pleito de 2022.

Para a simulação, o senador contou com ajuda do presidente estadual do PL e deputado federal, Josimar Maranhãozinho, e juntos os parlamentares começaram a plantar nomes de interessados nas vagas de vice-governador.

Até o PL, partido de Bolsonaro, declarar apoio à pré-candidatura de Weverton Rocha não se via falar de nomes interessados na vaga de vice. Tão logo o anúncio, surgiram os nomes do deputado estadual Hélio Soares (PL) e do empresário Mauro Hidrale.

Weverton Rocha disputará o Governo do Maranhão apoiado pelo partido de Bolsonaro

Em definitivo, o senador Weverton Rocha (PDT) receberá o apoio do partido do presidente Jair Messias Bolsonaro (PL) na disputa das eleições de 2022 para o Governo do Estado do Maranhão.

O anúncio foi feito na noite de ontem (23) por meio de uma live realizada pelo presidente estadual do Partido Liberal, o deputado federal Josimar Maranhãozinho.

Com a decisão, Weverton reafirma a sua aproximação e o alinhamento com o bolsonarismo.

Decisão de Josimar pró-Weverton pode fazê-lo perder metade da base

A possível decisão do deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) pela pré-candidatura a governador do senador Weverton Rocha (PDT) pode fazê-lo perder metade da sua base política no Maranhão.

Um dos nomes mais fortes desta base, ex-prefeito e ex-deputado Júnior Marreca (Patriota), já teria entrado em entendimento com Maranhãozinho sobre sua posição pró-Brandão. Com ele, pelo menos 20 prefeitos devem fazer o mesmo caminho, além de outros que também já comunicaram preferência pela reeleição do atual governador.

Nesse caso, fica claro que Josimar pode diminuir seu patrimônio eleitoral pela metade ao colocar cerca de 50 prefeitos em “saia justa”.

É unanimidade nesse grupo de cerca de 50 prefeitos que o compromisso estava firmado em torno da pré-candidatura de Josimar, não em torno de Weverton, rompido com o Palácio dos Leões e com o ex-governador Flávio Dino (PSB).

A expectativa é que Maranhãozinho defina seu rumo nas próximas horas…

Fonte: Gilberto Léda

Josimar Maranhãozinho deve anunciar decisão sobre o seu futuro político na segunda-feira (23)

O deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) deve anunciar na próxima segunda-feira (23) a sua decisão final sobre o seu futuro político.

A partir de hoje (20) e durante todo o final de semana, o parlamentar se reunirá em São Luís com prefeitos, vereadores, deputados e lideranças políticas de todo o estado para definir se será candidato ao Governo do Maranhão ou se vai declarar apoio ao governador Carlos Brandão ou ao senador Weverton Rocha (PDT).

Depois de muitas especulações, esta semana o deputado admitiu pela primeira que pode desistir da principal cadeira do Palácio dos Leões. “Nós vamos avaliar se vamos continuar candidatos ou se nós vamos fazer adesão a alguém que tem uma proposta que realmente venha somar com o que nós queremos, que é um Maranhão melhor”, disse Maranhãozinho.

“Tudo que tem sido dito nas redes sociais não passa de especulação”, diz Josimar Maranhãozinho sobre seu futuro político

O presidente do PL e deputado federal, Josimar Maranhãozinho, declarou que somente na sexta-feira (20) se pronunciará sobre o seu futuro político.

O parlamentar explicou que pretende ouvir membros do seu grupo para tomar a decisão mais acertada para a legenda e, pela primeira vez, falou sobre a possibilidade de não se candidatar para a vaga de governador do Maranhão.

“Agora, na sexta-feira, nós vamos reunir todos os prefeitos e, posteriormente, vamos reunir com os pré-candidatos para deliberarmos sobre o que é melhor para nosso grupo. Nós vamos avaliar se vamos continuar candidatos ou se nós vamos fazer adesão a alguém que tem uma proposta que realmente venha somar com o que nós queremos, que é um Maranhão melhor”, disse Josimar.

Questionado sobre uma possível aliança ao senador Weverton Rocha (PDT), o deputado federal afirmou que tudo não passa de especulação.

“Essa pergunta é muito simples de fazer. Tudo que tem sido dito nas redes sociais não passa de especulação, pois eu jamais vou deliberar, a exemplo de vários líderes políticos, uma decisão tão importante, fazendo dela uma decisão pessoal”, respondeu.

Conselho de Ética define hoje o relator de processo contra Josimar Maranhãozinho

O destino político do deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) pode ser definido nos próximos dias.

Isso porque o Conselho de Ética da Câmara Federal deve definir em breve o relator do processo disciplinar contra o parlamentar. O colegiado se reúne nesta quarta-feira (11) para realizar o sorteio de membros para completar as listas tríplices, destinadas à escolha de relatores de processos.

Tramitam no conselho 22 processos por quebra de decoro parlamentar, em desfavor de 12 deputados. Destes 22 processos, um é em desfavor de Maranhãozinho.