Ministério da Saúde confirma primeira morte por varíola dos macacos no Brasil

O Ministério da Saúde confirmou, nesta sexta-feira (29), a primeira morte por varíola dos macacos (monkeypox) no Brasil.

O paciente, um homem de 41 anos com graves problemas de imunidade, estava internado no Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte, e morreu na quinta-feira (28).

O secretário de estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti, disse que o paciente que não resistiu estava em tratamento oncológico (linfoma) e era imunossuprimido.

“É importante destacar que ele tinha comorbidades importantes e graves, severas, para que não leve a um grande alvoroço na população, achando que a letalidade é alta. A letalidade continua sendo muito baixa”, afirmou o secretário.

Nesta semana, a cidade de São Paulo confirmou os primeiros casos da doença em crianças.

A varíola dos macacos é transmitida de uma pessoa para outra por contato próximo com lesões, fluidos corporais, gotículas respiratórias e materiais contaminados, como roupas de cama.

Vereador e secretários de Esporte e de Comunicação morrem em acidente envolvendo vice-prefeito de Dom Pedro

O secretário de Esporte de Dom Pedro, Plinplin, o vereador Ferreirinha e o assessor de comunicação, Guto, morreram em um grave acidente na MA-026 entre o município e a cidade de Governador Archer.

As primeiras informações dão conta de que o vice-prefeito de Dom Pedro, Lucyan, teria perdido o controle do veículo em que estavam e acabou saindo da pista, batendo violentamente em uma árvore.

Lucyan estaria acompanhado da esposa. Os dois foram socorridos por uma equipe do SAMU, mas estão fora de perigo.

Morre em São Paulo o marketeiro Duda Mendonça

O publicitário Duda Mendonça (foto) morreu, aos 77 anos, em São Paulo. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, na região central da capital, desde junho. A informação foi confirmada ao G1 Bahia nesta segunda-feira (16) pela família do publicitário.

Duda tratava um câncer no cérebro, quando foi diagnosticado com Covid-19 e precisou ser intubado.

Duda Mendonça: Referência, marqueteiro ajudou a eleger de Paulo Maluf a Lula
Ex-marqueteiro do Partido dos Trabalhadores (PT), Duda Mendonça se tornou conhecido nacionalmente por ter sido o publicitário por trás da primeira campanha eleitoral vitoriosa de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República, em 2002.

Ele também participou de campanhas de Paulo Maluf (PP), em São Paulo; Miguel Arraes, em Pernambuco; Ciro Gomes (PDT), no Ceará, e do ex-primeiro-ministro de Portugal, Pedro Santana Lopes.

Quando estourou o escândalo do mensalão, o publicitário foi acusado de receber por serviços ao PT por meio de uma offshore nas Bahamas. Em 2005, Mendonça confessou à CPI dos Correios ter recebido R$ 10,5 milhões pela campanha à eleição de Lula via caixa 2.

A defesa do publicitário argumentou que ele cometeu o crime de sonegação fiscal, não o de lavagem de dinheiro, e que pagou o que devia ao fisco – R$ 4,8 milhões. Além disso, afirmou que o marqueteiro não tinha conhecimento da origem ilícita dos valores recebidos do partido e nunca tentou ocultá-los.

Mendonça chegou a virar réu no processo do mensalão, mas foi absolvido. Para os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), não ficou demonstrado que ele tinha conhecimento da origem ilícita dos recursos e, consequentemente, não houve prova de sua intenção de ocultar os valores.

O corpo do publicitário será cremado, segundo a família.

Luto no jornalismo! Morre o jornalista Luiz Pedro

Morreu na madrugada desta quarta-feira (02), o jornalista e ex-deputado estadual Luiz Pedro de Oliveira (foto). Ele foi internado na tarde do último domingo, no hospital UDI, em São Luís, após sofrer infarto em sua residência.

Luiz Pedro nasceu na cidade de Juazeiro do Norte-CE, em 26 de fevereiro de 1953. Chegou ao Maranhão em meados da década de 1970. Foi eleito deputado estadual  e exerceu o primeiro mandato de 1° de fevereiro de 1983 até 1° de fevereiro de 1987. O 2º mandato foi de 1° de fevereiro de 2003 até 1° de janeiro de 2007.

Dentre os cargos públicos exercidos, foi secretário municipal de Comunicação de São Luís, na segunda administração de Jackson Lago e secretário-chefe do gabinete no governo Jackson Lago (2007–2009).  Também esteve como servidor da Assembleia Legislativa do Maranhão e, ultimamente, era um dos apresentadores do programa “Os Analistas”, na TV Guará.

Ex-prefeito é encontrado morto; polícia suspeita de suicídio

O corpo do ex-prefeito de Teresina, Firmino Filho, foi encontrado na tarde desta terça-feira (6) na porta de um prédio na Zona Leste de Teresina. O último mandato de Firmino Filho a frente da Prefeitura de Teresina terminou em 2020.

A polícia investiga se a causa foi suicídio.

O político foi quatro vezes prefeito de Teresina. Foi eleito, pela primeira vez em 1996, com 33 anos, reeleito em 2000 e voltou a vencer a disputa municipal em 2012 e reeleito novamente em 2016.

Morre Célia da Mata, importante liderança de São José de Ribamar

À esquerda, Célia da Mata, esbanjando alegria e muita saúde no ano passado, durante evento político.

Em meio ao turbilhão de notícias negativas, a segunda-feira (15) amanheceu ainda mais triste. Em uma importante região de São José de Ribamar, a Covid-19 deixa seu rastros destruição.

Morreu aos 51 anos, por volta das 3h da madrugada a professora e liderança Célia Veloso, mais conhecida como Célia da Mata.

Carismática, de personalidade autêntica, Célia deixa um legado de amizade e cuidado com a comunidade.

O blog lamenta profundamente a precoce partida da querida Célia da Mata, e se solidariza com os familiares neste momento de profunda dor da perda.

Covid-19: Doença maldita segue ceifando vidas; morre o vice-presidente da Fiema

A Covid-19 segue promovendo tragédias nas famílias. Na manhã desta quarta-feira (10) a vítima foi o vice-presidente da Fiema, Cirilo Arruda (58 anos).

Ele testou positivo há dez dias quando foi internado no Hospital São Domingos, e, posteriormente, transferido para o Hospital Carlos Macieira, onde não resistiu às complicações da doença e faleceu por volta das 10h30 de hoje.

Em nota, o presidente da FIEMA, Edilson Baldez das Neves, lamentou a morte do vice-presidente da entidade:

É com profunda tristeza que a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA) comunica o falecimento, ocorrido hoje, 10 de março, do industrial Cirilo José Campelo Arruda, vice-presidente desta instituição, membro do Conselho Temático de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Confederação Nacional da Indústria (CNI), vice-presidente do Conselho Temático de Meio Ambiente da FIEMA, e vice-presidente do Sindicato das Indústrias de Óleos, Sabão, Velas e Produtos Químicos e Farmacêuticos de Caxias, Codó, Pedreiras, Bacabal e Lago da Pedra (Sindicocal), diz a nota.

Líder empresarial da Região do Mearim, Cirilo Arruda deixa enorme legado de companheirismo, de empreendedorismo, de preocupação com a sustentabilidade do meio ambiente e de relevantes serviços prestados ao Maranhão, conclui a nota.

Barrigada internacional: CNN mata Pelé

Entramos apenas no terceiro mês do ano e já temos o que pode ser considerada a maior barrigada do ano.

A CNN internacional anunciou nesta sexta-feira a morte de Pelé.

O anúncio foi feito tanto no Twitter da emissora como na programação do canal internacional.

Após ser desmentido por assessores, a rede internacional apagou a postagem do Twitter e se desculpou da barrigada na TV.

Morre em São Paulo o empresário Henry Duailibe

Henry Duailibe e o superintendente do Iphan, Márcio Itapary exibem a ordem de serviço de uma das obras executadas por sua empresa: a recuperação da Rua Grande

Morreu na tarde desta segunda-feira (01-02), o empresário Henry Duailibe (70 anos). Ele estava internado desde abril do ano passado, logo no início da pandemia do Novo Coronavírus, no hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

Henry foi internado após ser testado positivo para a Covid-19. Desde abril, travou uma luta para se manter vivo em decorrência de um série de complicações posteriores. Em agosto, a família chegou a comemorar sua recuperação, porém, voltou a ter complicações.

De acordo com informações que chegaram ao blog, nos últimos dias de vida, Henry estava pesando 35 kg.

O empresário era o dono da Duvel Veículos e atuava fortemente no ramo da Construção Civil, através da empresa Ducol.

Secretaria de Saúde de Ribamar emite nota sobre morte de recém-nascido na Maternidade Municipal

A Prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Assessoria de Comunicação (Ascom), encaminhou esclarecimentos ao blog sobre a morte de um recém-nascido na maternidade do município (reveja aqui a notícia publicada aqui com exclusividade).

Abaixo, o comentário do blog:

NOTA

A Secretaria de Saúde do município de São José de Ribamar informa que lamenta a morte do bebê ocorrida nesta terça-feira, 5, na Maternidade Municipal de São José de Ribamar, e ressalta que todos os procedimentos necessários foram realizados no intuito de salvar o feto e a mãe.

A paciente deu entrada às 8h30 e foi a primeira a ser atendida na maternidade, onde passou por uma avaliação médica, sendo diagnosticada a presença de mecônio espesso (primeiras fezes eliminadas pelo feto dentro do útero), com dificuldade em respirar após inalar matéria fecal para dentro dos pulmões. Os batimentos cardíacos do feto estavam em 70 bpm, sendo que os batimentos de um feto giram em torno de 120 a 160 bpm. Com isso, imediatamente a paciente foi encaminhada para uma cirurgia de emergência, após identificação do sofrimento fetal.

Infelizmente, após o nascimento, o feto nasceu com fraqueza muscular, em morte fetal aparente, apgar 1 (teste feito ao recém-nascido para avaliar sua vitalidade), sem reação a todas às manobras realizadas pelo pediatra na tentativa de salvá-lo.

Logo após identificar o estado geral e a vitalidade do bebê, foi necessária uma entubação devido às complicações. Mesmo com todas as manobras aplicadas, o recém-nascido não resistiu e faleceu.

Comentário do blog: De acordo com informações de familiares, o Município de São José de Ribamar será responsabilizado na Justiça por suposta negligência no atendimento. Segundo eles, se no sábado tivesse havido o atendimento, é bem provável que a criança, que nasceu com 4 kg, ainda estivesse com vida.