Secretário de Saúde garante que Maranhão tem cenário epidemiológico favorável para o São João

Em entrevista à TV Mirante, o secretário de saúde Tiago Fernandes garantiu que o Maranhão tem o cenário epidemiológico favorável para a realização do São João e que o governador Carlos Brandão abriu diálogo com as Secretarias de Saúde e Cultura para reforçar a segurança do evento.

“O controle da pandemia da Covid-19 é contínuo e nós temos um quadro favorável, uma resposta do controle de contágio, baixas internações nos nossos leitos de enfermaria de UTI e sobretudo com o avanço do processo de imunização dos maranhenses”, disse o secretário

Tiago informou ainda que a equipe de saúde do Estado do Maranhão, como a vigilância epidemiológica e vigilância sanitária, darão apoio aos brincantes e pessoas que trabalham em decorrência do evento.

“Essas esquipes vão estar disponíveis e orientando em relação à educação do manuseio de alimentos, EPIs necessários e a parte epidemiológica, sobretudo na vigilância e no controle não só da Covid-19, mas de qualquer outra enfermidade ou qualquer outra notificação que possa ocorrer em decorrência dessas festividades”, afirmou.

O secretário também informou que vai abrir diálogo com os prefeitos de municípios maranhenses onde foram registrados baixos índices de vacinação, principalmente entre os jovens.

Carlos Brandão anuncia pacote de obras incluindo Saúde e Infraestrutura para Imperatriz e região

Em comitiva à Região Tocantina, o governador do Maranhão, Carlos Brandão, está na cidade de Imperatriz para vistoriar, entregar e anunciar um pacote de obras que envolve as áreas de Infraestrutura, Saúde, entre outras.

Logo nas primeiras horas da manhã, acompanhado do chefe da Casa Civil, Sebastião Madeira, do secretário de Saúde, Tiago Fernandes, e do de Infraestrutura, Aparício Bandeira o governador anunciou o serviço de 70 km de pavimentação asfáltica para a cidade de Imperatriz.

A comitiva se dirigiu a uma visita ao Hospital Macrorregional de Imperatriz que será contemplado com reforma e blocos, aumentando a sua estrutura e proporcionando melhorias para os moradores de toda a região.

No período da tarde, o governador deve anunciar outras medidas importantes para a região, além do cumprimento da extensa agenda na cidade.

Tiago Fernandes ressalta legado de Carlos Lula, ex-secretário de Saúde

“O trabalho não para e vamos avançar mais para cuidar da nossa gente e do legado construído” escreveu Tiago Fernandes, atual secretário de Saúde do Maranhão na foto de registro da reunião com Carlos Lula, ex-gestor da Saúde.

A reunião sinaliza a forte influência de Carlos Lula nas pautas da Saúde pública Maranhão. Lula esteve a frente da pasta por quase 6 anos e criou o maior legado de serviços públicos de saúde do estado.

Carlos Lula destacou o encontro como uma “parceria pelo SUS”. Atualmente, Lula é pré-candidato a deputado estadual e deve seguir as pautas de defesa do sistema público de saúde, a proteção do legado construído e manutenção dos investimentos em saúde.

Na gestão de Carlos Lula, o ex-governador Flávio Dino investiu o maior volume de recursos do tesouro estadual na Saúde. O resultado destes investimentos garantiram a descentralização dos hospitais, Policlínicas, oncologia e hemodiálise para todas as regiões de saúde, além de zerar a espera dos pacientes a espera de tratamento de diálise e de radioterapia. Os feitos são inéditos no Maranhão.

Novo secretário de Saúde anuncia instalação de novos serviços na rede estadual

Instalação de novos equipamentos e serviços na rede, reforço da cobertura vacinal contra a covid-19 e zerar as filas de cirurgias eletivas no Maranhão são consideradas metas prioritárias na rede da Secretaria de Estado da Saúde.

Nesta terça-feira (12), o secretário de Estado da Saúde, Tiago Fernandes, anunciou que será implantada uma Clínica da Dor, na Policlínica de Imperatriz, expansão do serviço especializado para autistas, descentralização da Farmácia Estadual de Medicamentos Especializados de São Luís e Imperatriz para Santa Inês, Bacabal e Caxias, entre outras medidas.

“Diante da ampliação da rede de serviços no Maranhão, além da criação de novos equipamentos e de serviços, vamos implantar Complexos Reguladores Assistenciais, com a estrutura de centrais de regulação de urgência, internações e de consultas e exames, reforçando o propósito de oferecer o melhor sistema de saúde público estadual aos maranhenses”, frisou o secretário Tiago Fernandes.

De acordo com o secretário Tiago Fernandes, o governador Carlos Brandão estuda a criação do Centro Especializado para Tratamento e Acompanhamento do Autismo, vinculado aos serviços dos Centro de Reabilitação da SES.

Trajetória

Tiago Fernandes exerceu o cargo de secretário Municipal de Saúde de São José de Ribamar, terceiro município mais populoso do Maranhão, entre 2017 e 2020. No ano seguinte, assumiu a gestão da Secretaria Adjunta de Articulação Institucional da Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão (SES/MA).

Novos Secretários: Conheça um pouco mais sobre Pedro Chagas, Raysa Maciel e Tiago Fernandes

O Blog do Matias Marinho continua a Série sobre os perfis dos novos nomes que passam a compor o secretariado do governador Carlos Brandão (PSB), que priorizou um corpo de gestores técnicos, porém, sem deixar de contemplar a classe política.

Pedro Chagas –  Gestão, Patrimônio e Assistência dos Servidores (SEGEP)

O renomado advogado Pedro Chagas é Especialista em Direito Municipal e Direito Eleitoral, pós-graduado em Perícia, Auditoria e Gestão Ambiental e MBA Liderança do Setor Público pelo Instituto Brasiliense de Direito Público pelo Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP).

Co-autor do livro “Tratado de Direito Eleitoral” (Cord. Ministro Fux), Pedro Chagas é Diretor Geral do site direitodomunicipio.com.br.

O novo secretário da SEGEP é considerado um dos homens de confiança do governador Carlos Brandão. Enquanto o novo chefe do executivo estadual esteve no PSDB, Chagas era o presidente da sigla no Maranhão.

Raysa Maciel – Meio Ambiente

A advogada e pedagoga Raysa Maciel é pós-graduada em Direito Tributário pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Em 2012 iniciou sua carreira na gestão pública como secretária executiva. Em seguida assumiu a coordenadoria de Projetos da Secretaria de Estado de Pesca e Aquicultura.

Foi Secretária Executiva na Câmara dos Deputados, e nos últimos três anos atuou com destaque na Assessoria Especial da Vice-Governadoria.

Paralelo à sua carreira pública, a advogada tem liderado um projeto inovador no Maranhão na Advocacia para Negócios.

Tiago Fernandes – Saúde (SES)

Também da linha dos nomes técnicos, o também advogado Tiago Fernandes é especialista em Direito Administrativo e Eleitoral, além de mestre em administração pública pelo Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP).

Indicação do ex-titular da pasta, Carlos Lula, o novo gestor da Saúde tem tem larga experiência na assistência em saúde.

Foi secretário Adjunto nas Secretarias de Direito Humanos e Cidadania e Secretário de Estado da Saúde, onde estava ultimamente.

Consta também em seu currículo os cargos de assessor parlamentar na Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão e Secretário Municipal de Saúde de São José de Ribamar, onde criou, logo no início da pandemia da Covid-19 uma rede de atendimento específico que virou referência em todo o Maranhão.

No campo político, Fernandes foi candidato a vice-prefeito na eleição passada, em São José de Ribamar, município no qual mantém forte relação política.

Eduardo Braide copia em São Luís projeto implantado com sucesso em São José de Ribamar

Projeto implantado de forma pioneira em São José de Ribamar pelo então secretário de Saúde, Tiago Fernandes (PP), serviu de inspiração para o prefeito Eduardo Braide (Podemos) implantar, em São Luís, a primeira rede de atendimento a síndromes gripais na capital.

Em São José de Ribamar, a Rede Acolhe funcionou não só de forma eficiente como transformou-se num modelo para todo o Maranhão, elogiada até pelo secretário de Saúde, Carlos Lula.

A Rede Acolhe atendia à população ribamarense com uma equipe capacitada e treinada pelos melhores especialistas em Vigilância Sanitária do Maranhão, fruto da articulação e conhecimento de Fernandes e dos adjuntos da Secretaria à época, Adriana Mota e Willian Vieira.

Os resultados logo apareceram. O município que figurou entre as cidades com maiores registros de infectados pela doença, no início da pandemia do Novo Coronavírus, não demorou muito para aparecer numa colocação bem distante.

Em São Luís, as unidades de Síndromes Gripais vão funcionar na Avenida dos Africanos (no Centro de Saúde Carlos Macieira), Centro, Cidade Operária, Itaqui-Bacanga e Zona Rural.

Nas unidades definidas como portas de entrada, o paciente terá seus sintomas avaliados pelas equipes médicas e receberá a medicação, orientação e encaminhamento de acordo com seu quadro clínico. No caso de sintomas leves, ele será liberado para ir para casa com a medicação necessária e a orientação de permanecer em isolamento. Caso os sintomas se agravem quando o paciente já estiver em tratamento em casa ou o caso o paciente seja classificado em estado moderado, ele será encaminhado para a Unidade Mista do Bequimão, destinada a casos nessa classificação.

Para isto, além de toda a equipe médica necessária, a unidade disporá de Pronto Atendimento 24h e 30 leitos de enfermaria para os pacientes que necessitarem de internação.